Programa de Festas

Abril 29, 2008

FATAL 2008 – Festival Anual de Teatro Académico de Lisboa

Já na próxima segunda-feira, 5 de Maio, o FATAL 2008 volta à cidade de Lisboa, com peças de teatro, performances e muitos eventos nas mais diversas áreas.

A Reitoria da Universidade de Lisboa está a preparar a 9ª edição do Festival Anual de Teatro Académico de Lisboa • FATAL 2008, evento que trará à cidade de Lisboa, entre 5 e 21 de Maio de 2008, as mais recentes encenações de grupos de teatro universitário de Portugal e de Espanha.

Além da programação principal, a decorrer no Teatro da Politécnica e noutros locais de Lisboa através das peças site specific e das performances, o Festival apresentará a seguinte programação paralela: Café-Teatro (Apresentação Pública do FATAL), Tertúlias, Conferências, Workshops, Exposições, Instalação Urbana, Cerimónia de Entrega de Prémios e a Festa Fatal (Festa de Encerramento do FATAL).

Vindos de faculdades do Minho, do Porto, de Aveiro, de Coimbra, da Covilhã de Lisboa e de Évora,de ,

o Festival conta com 29 grupos de teatro universitário que chegam à capital alfacinha de vários pontos do país e de duas cidades espanholas, Sevilha e Vigo. Encenadores como Gonçalo Amorim, Pedro Penim, Diogo Bento, Susana Vidal, Pedro Wilson e Ávila Costa estão por trás do palco do FATAL 2008, um verdadeiro laboratório da dramaturgia!

 

No total, são 21 as peças de grupos de teatro universitário que o FATAL 2008 exibe, de 5 a 31 de Maio: 16 grupos estreiam o seu trabalho no Teatro da Politécnica e 5 utilizam espaços alternativos, entre as suas faculdades e a Casa Conveniente. Os grupos de teatro universitário e de dança prepararam ainda 12 performances que vão animar as ruas e os bares do Bairro Alto.

Para além do teatro dentro de portas, as performances, momentos em que os grupos de teatro e de dança universitários dão asas à sua criatividade, vão dar vida às ruas de Lisboa, e em particular ao Bairro Alto, ao longo de todo o mês de Maio, com 12 espectáculos e 19 exibições.

O FATAL reserva ainda para este ano duas estreias nacionais absolutas: a Revista Fatal, Publicação Anual de Teatro Universitário, que será lançada a 5 de Maio, dia da Apresentação Pública do festival, e o concerto do Coro da Universidade de Lisboa Missa Tiburtina, de Gilles Swayne, na Igreja de São Domingos, no Rossio, nos dias 23 e 30 de Maio.

2 workshops, de Fotografia e Crítica de Teatro, a conferência-debate sobre Teatro e Direito a 7 de Maio na Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa, e as 2 instalações que vão decorar Lisboa ao ar livre, Lx Tek e Zigurate, completam a programação do FATAL 2008, que encerra este ano no Cabaret Maxime com uma Festa e a Entrega dos Prémios FATAL: o Prémio FATAL, o Prémio FATAL – Cidade de Lisboa e o Prémio FATAL do Público, em colaboração com o jornal O Público.

O FATAL termina com uma festa no Cabaret Maxime. Pois é.

No dia 31 de Maio, a partir das 22h00, serão entregues os Prémios FATAL e os Vjs do Workshop Manipulação de Imagem em Tempo Real do FATAL irão mostrar o seu trabalho.

ver o site, este,  fatale também:

http://www.fatal.ul.pt

http://www.fatalnosbastidores.blogs.sapo.pt

Informações: Reitoria da Universidade de Lisboa- Divisão de Actividades Culturais e Imagem da DSRE – Tel. 21 011 34 06 – E-mail: fatal@reitoria.ul.pt

Bilhetes à venda no Tatro da Politécnica | Rua da Escola Politécnica, 56;

5€ Público geral, 3€ Estudantes e profissionais das artes do espectáculo

Reservas: Divisão de Actividades Culturais e Imagem da DSRE | Tel. 21 011 34 06

Anúncios

Site no WordPress.com.