Programa de Festas

Março 21, 2008

Festival Intercéltico do Porto

Nos dias 11 e 12 de Abril, acontece!
No cinema Batalha – Porto – o Festival Intercéltico.
Participam o galego Xosé Manuel Budiño e os irlandeses Beoga (ditos cabeças de cartaz).

Mas temos também os portugueses de Miranda do Douro, Galandum Galundaina, e os portugueses da Madeira, Encontros da Eira.

O festival desenrola-se em dois concertos duplos com os grupos portugueses Galandum Galundaina e Encontros da Eira a assegurar a primeira parte dos concertos.

O grupo tradicional «Encontros da Eira», com 11 elementos, é a face mais visível da Associação com o mesmo nome (ACEE), sediada na Camacha, na Madeira, que tem como objectivos globais a investigação, a recolha e preservação e conservação de usos e costumes daquela região autónoma.

Este grupo, que tem já dez anos de carreira, abre o festival, a 11 de Abril.

Os Galandum Galundaina é formado por Paulo Meirinhos, (voz, bombo, gaita de foles galega e percussões tradicionais), Paulo Preto (voz, gaita de foles mirandesa, sanfona e flautas), Manuel Meirinhos (voz, percussões tradicionais e flautas) e Alexandre Meirinhos (voz, caixa de guerra e percussões tradicionais).

“Música quelossal pertuesa. Bénen de tierras de Miranda. Ye mais que música pertuesa. Ye la fetura raíç dun pobo. Bordai a ouro este nome na bossa memória fixa”.

E os Beoga?

Originária de Country Antrim, a banda nasceu depois duma intensa «jam session» que aconteceu no festival All Ireland Fleadh, em Agosto de 2002.
O som único que apresentam muito deve aos duelos entre os acordeões de Séan Óg Graham e Damian McKee em sintonia perfeita com Eamon Murray (quatro vezes campeão de bodhrán, da Irlanda) e com o pianista Liam Bradley.
Os Beoga foram nomeados em 2005 para o Prémio de melhor banda revelação da música tradicional do seu país.

E Xosé Manuel Budiño (gaita de foles e voz), fecha a primeira noite do festival, acompanhado pelo seu sexteto.

Sites: Galandum Galundaina

         Intercéltico

         Diário Digital

Anúncios

Fevereiro 11, 2008

Dois Países, Uma Voz – Teatro Gil Vicente – Coimbra

Um concerto de música lusa e galega.
Com Miro Casabella, JP Simões, José Mário Branco e Leo iArremecaghona, músicos de gerações e movimentos diferentes, constroem-se pontes entre Portugal e Espanha.
É grande a curiosidade sobre o que resultará deste encontro entre a tradição reivindicativa de Miro Casabella, o punk de autor de Leo iArremecaghona! (ambos galegos), a música de intervenção de José Mário Branco e os temas solitários do cronista JP Simões (portugueses).

Dois países, uma voz. A não perder.

No dia 14 de Fevereiro, às 21h30

Telefone: 239855636

Bilhetes: 10€. Estudante: 6€

Create a free website or blog at WordPress.com.