Programa de Festas

Maio 22, 2009

Fados na Feira Ascensão

Filed under: fado — profestas @ 12:06 am

 

Anúncios

Maio 12, 2009

CONCERTO AO VIVO – António Raposo & Ensemble – Loures

 

JOÃO CHORA – CONCERTO – Chamusca: 21 Maio 09

Filed under: fado — profestas @ 10:07 pm
Tags: , , , , ,

 

Março 4, 2009

Conferência FALANDO DE FADO – Galeria Colorida

Filed under: conferência,exposições,fado,Uncategorized — profestas @ 10:04 pm

Conferência FALANDO DE FADO, com Adalberto Alves, seguido de excerto do espectáculo “Papoila de Odiana”, Dançar a Poesia de Almutâmide, com Elsa Shams, Eduardo M. Raposo, Tiago Bensetil e Nuno Faria

Sábado, 07 de Março, 17:00

José Adalberto Coelho Alves, advogado, poeta, ensaísta e dos poucos arabistas em Portugal.
Pelos seus valiosos trabalhos em prol da divulgação da cultura árabe pelo mundo, recebeu em Novembro em Paris o Prémio Sharjah para a Cultura Árabe, criado pela Unesco em 1998, no valor de 30.000 dólares. Adalbert Alves foi enaltecido por ter “inspirado muitos escritores portugueses e espanhóis a divulgar a história da cultura árabe do Gharb al-Andalus”

Elsa Shams, bailarina e coreografa, estuda danças tradicionais da cultura árabe desde 1998. Em actuação transmite a energia e a força da mulher, mergulhando na cultura e na tradição e devolvendo de uma forma renovada, actual e contemporânea a tradição e o conhecimento ancestral.

 

Colorida Galeria de Arte
Rua Costa do Castelo, 63 – Lisboa
Tel 211 512 142
http://www.colorida.pt/

Dezembro 3, 2008

ANTÓNIO ZAMBUJO – CONCERTO A 21 DE DEZEMBRO, NO JARDIM DE INVERNO DO TEATRO DE S.LUIZ

Filed under: concerto,fado — profestas @ 8:07 pm
Tags: , ,

O cantor António Zambujo vai protagonizar um concerto ao vivo no Jardim de Inverno do Teatro São Luiz dia 21 de Dezembro, pelas 19:00, apresentando o seu último trabalho «Outro Sentido».

A acompanhar Zambujo, sobe ao palco Paulo Parreira na guitarra portuguesa e Ricardo Cruz no violão baixo e contrabaixo.

O músico foi galardoado com o prémio Melhor Nova Voz do Fado, atribuído pela Rádio Nova, pelo seu primeiro álbum «O Mesmo Fado», de 2002.

No ano de 2004 foi editado o seu segundo trabalho, «Por meu Cante», em que colabora com Parreira e Cruz. Dois anos depois, em 2006, a Fundação Amália Rodrigues atribui-lhe o prémio Melhor Intérprete Masculino de Fado.

O seu álbum «Outro Sentido» teve grande aceitação ao nível nacional e no estrangeiro. A editora Hamonia Mundi lançou a obra na Europa e nos EUA.

Em 2009, o álbum será editado no Brasil pela editora MP´B, contando com a participação de Roberta de Sá e Trio Madeira Brazil, Zé Renato e Ivan Lins.

Os bilhetes custam 10€ e estão à venda nos locais habituais.

Portal do Fado

www.antoniozambujo.com

http://www.myspace.com/antoniozambujo

http://es.youtube.com/watch?v=JvHg0eJjFp8&feature=related

www.espelhodecultura.pt

Novembro 9, 2008

Luisa Rocha – “Tudo Isto é Fado”!

Filed under: fado — profestas @ 1:59 am
Tags: , , ,

Será que o fado nasceu dos cânticos dos Mouros, da melancolia e dolência dos seus cantos? Será que surgiu das cantigas de amigo, ou das cantigas de escárnio e maldizer? E o fado de Coimbra, que tem especiais caracteristicas..?

Mas é o fado de Luisa Rocha que aqui nos traz.

Porque ela é uma excelente voz do fado, e da sua essência. Na presença. Na interpretação. E na sua alma.

A maquete está acabada, agora só falta uma editora para apostar nesta jovem de quem vamos ouvir falar muito em breve (esperamos que sim!), face aos projectos de que faz parte, e a outros convites que, entretanto, aceitou.

Fadista residente no Clube de Fado (Lisboa), irá interpretar a personagem de Ercília Costa, no filme “Amália”, com estreia mundial prevista para o mês de Novembro.

Também em Novembro, a fadista tenciona apresentar ao público o seu primeiro Cd de fados e fará ainda parte do álbum “Fadário”, um projecto que envolve a poesia de António Manuel Moraes, e as cantoras Margarida Guerreiro, Joana Amendoeira, Diamantina, Célia Leiria e a própria Luísa Rocha.

Este trabalho será apresentado em formato de livro e cd (edição Ocarina) com temas originais. A produção e direcção musical é assinada por Custódio Castelo.

Este projecto conta também com a participação do professor José Fontes Rocha, Carlos Gonçalves, Carlos Garcia, Carlos Menezes, Pedro Pinhal, Pedro Amendoeira, Guilherme Banza, Paulo Paz,Lelo Nogueira e Júlio Garcia.

As páginas do fado são cheias de surpresa!

Tivemos oportunidade de ouvir 3 fados, que já farão parte do seu 1º Cd, a ser editado brevemente. E são a tal “essência”.

– Por uma noite de amor (Musica: Carlos Manuel Proença, Letra: Mário Raínho)
– Promete, Jura (Musica: Sérgio Dâmaso, Letra: Mª João Dâmaso)
– Toada do Desengano (Musica: Fado Acácio, Letra: Vasco Graça Moura)

Aguardemos que  estes, e outros, sejam em largamente conhecidos, vale a pena.

Parabens, Luisa Rocha!

 JC Produções Musicais

Outubro 25, 2008

Count Basie Orchestra com Carlos do Carmo, Camané, Maria João, Manuela Azevedo e Lula Pena – 4ª feira no Campo Pequeno

Outubro 9, 2008

Sandra Correia – É o fado, sempre eterno e sempre novo

Filed under: fado — profestas @ 9:41 pm
Tags: , ,

Sandra Correia, filha de um músico (acordeonista) Domingos Correia. Desde muito cedo que demonstrou o seu gosto pelo canto, opinando, mesmo não sendo solicitada para tal, quando assistia aos ensaios que lá por casa se realizavam… Era convidada por muitos, amigos da família, associações, organizações de concursos, etc .

Participou em dezenas de concursos de fado, tendo arrecadado por inúmeras vezes o 1º lugar. Com 16 anos de idade foi convidada para ser vocalista principal do grupo que seu pai liderava, tal como ainda hoje… “Nelly Correia”. Aceitou de imediato, tendo feito nesse ano cerca de 22 actuaçoes como vocalista do grupo. Percorreu, e percorre o país inteiro sempre cantando a canção nacional.

Em 2005 foi convidada a fazer a primeira parte de um espectáculo de Tony Carreira em Oliveira do Bairro, e em 2007 foi convidada também para fazer a primeira parte de um espectáculo da banda portuguesa de pop rock UHF. em S. Paio de Oleiros, Feira.

Já partilhou palcos com dezenas de artistas portugueses, travando grandes amizades com alguns deles! Canta fado pelo país inteiro, tendo já pisado grandes salas do nosso país, tais como: Cine-teatro Batalha, Teatro Sá da Bandeira, P. Cultura Ilhavo e recentemente o Teatro S. Luís em Lisboa na Grande Noite de Fado…

Com voz de” timbre doce”…é assim que a caracterizam, quando a ouvem.

Texto de Domingos Correia

É uma boa descoberta. Oiçam o sua voz. Por ex, a “estranha forma de vida”.

Aqui estão os seus próximos espectáculos:

10 Out 2008 21:00
Viseu

11 Out 2008 22:00
Valadares

11 Out 2008 23:00
Ovar

1 Nov 2008 21:30
Matosinhos

5 Nov 2008 21:30
” O Fole” Rest. O. de Azemeis

8 Nov 2008 21:30
Sta Maria da Feira

15 Nov 2008 21:30
Valadares

22 Nov 2008 21:30
” O Fole” Rest. O. de Azemeis

24 Nov 2008 20:30
Parque Nascente Porto
5 Dez 2008 21:30

5 Dez 2008 21:30
Viseu

12 Dez 2008 21:30
Viseu

9 Ago 2009 22:00
Agueda

 

Myspace Sandra Correia

Outubro 5, 2008

Aldina Duarte – Centro de Artes do Espectáculo de Portalegre

Filed under: fado — profestas @ 1:12 am
Tags: , , ,

 

“Mulheres ao Espelho” , o mais recente trabalho de uma voz em ascensão no fado.

 A voz de Aldina Duarte

Sala: Grande Auditório do CAE
Endereço: Praça da República 39, 7300-109 – PORTALEGRE

11 de Outubro – às 21h30
Preço – 10 €

Telefone: 245307498
caeportalegre.blogspot.com

 
Outros espectáculos

23 Out 2008 – 21:30
TEATRO CAMPO ALEGRE PORTO

22 Abr 2009 21:30
GRANDE AUDITÓRIO DA CULTURGEST LISBOA

www.myspace.com/fadoaldinaduarte

Outubro 1, 2008

“Noites em Cheio” de Outubro dedicadas ao fado – Barcelos

Voltamos a Barcelos!

Onde o GRUPO DE GUITARRAS DE ESPINHO ABRE O CICLO DO MÊS, JÁ NO PRÓXIMO SÁBADO.

O fado vai preencher, em Outubro, o programa da Empresa Municipal de Educação e Cultura e da autarquia barcelense: “Noites em Cheio”. Serão três os espectáculos com entrada livre, que animarão as noites de sábado em Barcelos.

Depois do mês de Setembro ter sido dedicado à música jazz, em Outubro, as Noites serão mais silenciosas, com o fado a dominar.

Assim, e já no próximo sábado, dia 4, as Noites do mês iniciam com o Grupo de Guitarras de Espinho.

Com Jorge Serra, na viola; Nelito Marques, na guitarra e Tony Reis, na voz, o concerto tem início marcado para as 22 horas, no auditório da Biblioteca Municipal de Barcelos.

No sábado da próxima semana, dia 11, será a vez da fadista Marla Amastor protagonizar a segunda Noite em Cheio de Outubro. Um espectáculo com temas tradicionais e alguns originais, com Marla Amastor acompanhada por Mário Henriques, na guitarra Portuguesa e Manuel Reis, na viola.

A última Noite, a 18 de Outubro, terá autoria ribatejana, com a fadista Joana Costa. Detentora de uma grande energia em palco e de um invulgar poder de interacção com o público, Joana Costa alinha-se na nova vaga de fadistas, que trazem frescura e sentido a esta arte musical.

A preparar o lançamento para breve do seu primeiro disco “Recado”, Joana apresentará no palco do auditório da Biblioteca Municipal de Barcelos o fado tradicional, com a poesia de António Lobo Antunes, José Carlos Ary dos Santos, Pedro Homem de Mello, entre outros.

Setembro 9, 2008

3.ª Noite de Fados – Centro de Convívio de Albarróis – Alenquer

Esta é uma iniciativa da Comissão de Jovens do Centro de Convívio de Albarróis, e desafiamo-lo a participar nesta noite que será inesquecivel, tendo em conta o elenco anunciado e a hospitalidade das gentes dos Albarróis.

E a Comissão de Jovens merece, por conseguir levar a cabo uma festa desta natureza, onde o fado é o protagonista principal.

Fadistas

João Paulo
Lenita Gentil
Diamantina
Luísa Rocha
Natalino de Jesus

Na guitarra – José Luís N. Costa
Na viola – Jaime Santos Jr.
Viola Baixo- D. Segismundo de Bragança

Apresentação de Graça Silva

Preço por pessoa: 12,50 euros, com oferta de caldo verde, broa de milho e pão (servem-se jantares a partir das 22h00).

Reservas – 917060680 – 263790095 – 917552396 – Ou no Bar do Clube

Organização: Comissão de Jovens do Centro Convívio Albarróis

Agosto 16, 2008

Cristina Branco – Lagos – Um Tributo a Amália Rodrigues

Uma oportunidade para ver, ouvir, sentir, a Cristina Branco no seu fado.

Cristina Branco evoca o lendário espírito de Amália através da sua música sem tempo. Monumentos como “Estranha Forma de Vida” ou “Barco Negro” revelam em Cristina Branco o respeito solene de uma linhagem sagrada que no entanto é interpretada com liberdade, porque esta cantora sabe que essa era igualmente uma marca profunda da voz de Amália.

E por causa dessa liberdade, Cristina Branco pode entregar-se sem limites a uma música que como poucas define a alma portuguesa mas possui também um carácter universal.

Direcção musical de Ricardo Dias.

Prémio Amália Rodrigues Internacional 2006

No Auditório Municipal de Lagos, no dia 23 de Agosto, às 22h00.

10 euros.

Site: Câmara Municipal de Lagos

Agosto 7, 2008

Noites de Fado na Expo Saragoça

Filed under: fado — profestas @ 9:07 pm
Tags: , ,

O Pavilhão de Portugal na Expo Zaragoza 2008 acolheu o ciclo «Noites de Fado».  Pedro Moutinho, proveniente de uma família de fadistas, terá a sua vez no dia 8 de Agosto.

E que voz!

Agosto 3, 2008

Rabih Abou-Khalil feat. Ricardo Ribeiro (Lisboa)

“A vinda de Rabih Abou-Khalil é sempre um acontecimento e este concerto não é excepção. O mestre do oud toca no Centro Cultural de Belém, Lisboa, no dia 3 de Agosto, às 19h00.

Nasceu no Líbano, mas vive na Alemanha, onde gosta de brincar com géneros aparentemente diferentes (com o fado como um dos alvos) e de promover o encontro sem cerimónias e com criatividade entre os sons ocidentais e orientais. O perfil prolífico, ecléctico e vanguardista torna-o, aliás, uma referência incontornável também do jazz europeu.

Enquanto os seus muitos discos vão fazendo as delícias da crítica, os concertos vão ganhando fama de únicos e, por isso, imperdíveis. Este, conta com a cumplicidade do fadista Ricardo Ribeiro“.

A música híbrida de Rabih Abou-Khalil, mestre de alaúde, é uma fascinante mistura de jazz, música árabe e clássica europeia, funde-se neste projecto com a voz de Ricardo Ribeiro, uma das mais surpreendentes revelações do novo fado.

Informações – telefone 213612400

Entrada livre.

Julho 11, 2008

Ana Moura e convidados no Cool Jazz Fest – Mafra, Jardim do Cerco, dia 12 de Julho

Filed under: fado,festivais,musica do mundo — profestas @ 7:11 pm
Tags: , , ,

 

12 JUL – 22H00

ANA MOURA & CONVIDADOS

Maria da Fé, Beatriz Conceição e Jorge Fernando

A nova geração de fadistas.

Prémio Melhor intérprete na III Gala Amália’07.Disco de Platina “Para Além da Saudade”.

Começou a cantar fado ‘por brincadeira’ e hoje é um dos casos sérios de sucesso e talento da música portuguesa. Depois de na adolêscencia abraçar o pop rock é numa passagem por uma casa de fados, e com o incentivo de amigos, que é levada a interpretar um tema que a todos deixou rendidos. É nesse ambiente que inicia a sua carreira como fadista que rapidamente é alargada para palcos maiores. Em 2003 lança o seu primeiro trabalho Guarda-me a Mão da Vida que deixa crítica e público rendidos. A sua postura, a sua beleza e o seu estilo logo marcaram a diferença o que a torna numa das faces mais visíveis da nova geração de fadistas. Seguiram-se os trabalhos Aconteceu e Para Além da Saudade, onde convida grandes individualidades do panorama musical português e internacional. O reconhecimento além fronteiras rapidamente foi uma realidade tendo actuado em vários países europeus. Os pontos altos dão-se em Nova Iorque onde Ana Moura sobe ao palco do prestigiadissimo Carnegie Hall, em 2004, e quando é convidada por Mick Jagger para cantar um dueto com o mítico vocalista dos Rolling Stones a quando do seu concerto em Portugal, em 2006. Já este ano ganhou o prémio de melhor intérprete na III Gala Amália. Uma oportunidade a não perder: Ana Moura & Convidados, com o seu estilo inconfundível no Cool Jazz, no secular Jardim do Cerco em Mafra.

Visite: www.anamoura.oninet.pt ou www.myspace.com/anamourafado

Para Comprar bilhete: www.ticketline.pt

Plateia VIP € 30,00

Plateia A € 25,00

Plateia B € 20,00

Em Pé € 15,00

www.cooljazzfest.com

Junho 18, 2008

Mariza apresenta o novo álbum, “Terra”, em Santarém

Filed under: concerto,fado,musica do mundo,musica portuguesa — profestas @ 6:50 pm
Tags: , , ,

Santarém tem o privilégio de ser palco do primeiro concerto oficial da digressão de apresentação do novo álbum de Mariza, poucos dias antes da sua chegada aos escaparates. A cidade vai encher-se para ouvir as muito aguardadas canções de “Terra”, a 21 de Junho.

Depois de ter ido ao Brasil gravar “Transparente” com Jacques Morelenbaum, Mariza optou por registar “Terra” entre Lisboa e Madrid, com a ajuda do conceituado produtor Javier Limón. É o quarto capítulo da sua discografia, depois de “Transparente”, “Fado Curvo” e “Fado Em Mim”, todos eles sucessos estrondosos nos escaparates e, principalmente, junto da crítica especializada.

Mariza foi “descoberta” pelo grande público durante espectáculos de homenagem a Amália Rodrigues e foi rapidamente considerada uma grande revelação do fado. Em 2003, foi eleita pela rede britânica BBC Radio como a melhor artista da Europa na categoria de “world music”, momento que elevou a sua projecção internacional a expoentes só comparáveis aos da própria Amália.

Publico.pt

Local: Santarém – Monumental Praça Celestino Graça
Data: 21 de Junho às 21h30
Bilhetes: 5 a 30€. Camarotes 60€

www.mariza.com /  www.myspace.com/fadomariza

Junho 17, 2008

Festas de Lisboa – Festa do Fado no Castelo

A Festa do Fado continua no Castelo de São Jorge. Depois das actuações de Camané & José Mário Branco, Teresa Tapadas & Paula Oliveira, Jorge Fernando & Sam the Kid, Lula Pena & Richard Galliano & Custódio Castelo & Adufeiras de Monsanto, o fado volta ao Castelo, no próximo fim-de-semana, 20 e 21 de Junho.

20 Junho
Mafalda Arnauth
canta Clássicos, Standards e Raridades com a participação especial de Ensemble Costa do Castelo

No princípio, quando as referências eram tantas e todas de excelência, o instinto levou-me à grande cruzada da minha vida: descobrir o que tanta tradição, raiz e beleza me inspiravam e a dar vida ao meu Fado, à minha identidade e à partilha da minha particular forma de entender a vida. Mas como desde sempre tenho dito, regressar a este lugar, a esta ideia, a este concerto é como regressar a casa dos pais! Onde nos reconhecemos, onde nos criamos, onde sabemos que encontramos o fio de prumo que nos conduz um dia mais tarde, na nossa vida de adultos e que, tendo-nos alimentado desde a raiz, ainda hoje perdura como fonte inesgotável de alimento, de sabedoria e de referência. Clássica é a herança de que me orgulho profundamente e a que não resisto regressar quando sinto que a fronteira entre a criação e a tradição corre perigosamente o risco de se transformar num muro alto demais para que ambas possam conviver em harmonia. Standart é a alma do mistério do povo português, que na sua essência de simples musica do coração e de verdade nos arrepia, nos arrebata e nos comove de cada vez que nos convida a reinventar uma grande referência, a recordar as impressões digitais da cultura do nosso país. Rara é toda a criação que este “ser gigante” e com vida própria que é o Fado inspira no mundo ao seu redor. E de onde nascem poemas inesperados, melodias insólitas, fados-canção, fado duvidosos, que lançam no ar a difícil pergunta: “E se não for fado?!”

A resposta encontro-a todos os dias na felicidade de o ir cantando… Nas suas melodias e sempre, os seus poetas imortais.

Mafalda Arnauth

21 de Junho
Joana Amendoeira & Mar Ensemble cantam “Poetas do Meu País”

Chorai, Chorai,
Poetas do meu país,
troncos da mesma raiz,
da vida que nos juntou.
E se vocês não estivessem a meu lado,
então não havia fado,
nem fadistas como eu sou.
“Fado Loucura” – Júlio de Sousa

Podemos afirmar que o Fado é, para além de um género musical, uma das mais importantes formas de expressão da língua e da cultura portuguesas. E acrescentar que esta canção não seria o que é hoje se não fossem os seus artesãos, que a fizeram nascer e crescer ao longo da História da nossa terra e da nossa cultura, não fosse o Fado uma forma de comunicação.
Somos um país de poetas.

Mar Ensemble conta com a participação de um quarteto de cordas, um quarteto de sopros e um acordeão, para além da percussão tradicional. Todos se juntam ao trio de fado (guitarra portuguesa, viola e baixo) da fadista Joana Amendoeira para apresentarem um “ensemble de fado”, criado para se estrear na Festa do Fado, em Lisboa.

A maioria dos temas do Mar Ensemble faz parte do repertório da artista Joana Amendoeira. Une-os uma homenagem aos nossos poetas, à nossa História, à nossa alma e à nossa magia de sermos um povo virado para o mar…

Festa do Fado:

Castelo de São Jorge | Praça de Armas
6 a 28 Junho
Sextas e Sábados, 22h00
Entrada: 12,50€
Bilhetes à venda na Ticket Line, Lojas Fnac e na bilheteira do Castelo de São Jorge
Maiores de 6 anos

www.egeac.pt  

Maio 28, 2008

Fado e Tango – António Chainho, Isabel de Noronha, Fernando Alvim

 

No Cine-Teatro Municipal João Mota, em Sesimbra, espectáculo de “Fado e Tango”, no dia 30 de Maio, às 21h30.

Duas expressões socioculturais portuárias com origem no século XIX e com grande desenvolvimento no XX.

Duas cidades, Lisboa e Buenos Aires. Dois ícones, Amália Rodrigues e Gardel Carlos.

Fado e Tango- Festival da Serra e do Mar

– António Chainho (guitarra portuguesa), Isabel de Noronha (voz), Fernando Alvim (guitarra)

– Bailarinos de Tango: Alejandro Laguna e Solange Galvão


Duas expressões socioculturais portuárias com origem no século XIX e com grande desenvolvimento no XX.

Duas cidades, Lisboa e Buenos Aires.

Dois ícones, Amália Rodrigues e Gardel Carlos.

Alejandro Laguna foi convidado, em 2001, para dançar tango com a música do mestre António Chainho, na entrega dos Prémios Bordalo, no Grande Auditório da Culturgest.

Esse concerto possibilitou uma tour por várias cidades de Espanha no ano seguinte.

O evento “Fado e Tango” vai permitir o reencontro de António Chainho, grande mestre da guitarra portuguesa, com o seu companheiro de longa data, Fernando Alvim.

E  de uma das novas revelações do fado, Isabel de Noronha, que com eles tem actuado um pouco por todo o mundo, com Alejandro Laguna e a bailarina portuguesa Solange Galvão.

15€ (sujeito a descontos)

Telefone do Cine-Teatro : 212288715

 

  

 

Onda Jazz – Programação fim-de-semana

Filed under: fado,jazz,programações — profestas @ 7:20 pm
Tags: , , ,

Dia 29 – Quinta-feira, 23.00h

Ana Lains

A crítica não a deixou passar em branco, Ana Laíns, considerada como uma das grandes revelações de 2006.
O álbum de estreia “Sentidos” é o passaporte para outros voos e os concertos além fronteiras já começaram a acontecer!
Países como Inglaterra, França, Espanha, Holanda, Grécia e até Austrália falam de Ana Laíns.
Nasceu em Tomar em 1979 e é aos 6 anos que pela primeira de muitas vezes pisa o palco. Porém, é um pouco mais tarde que se consciencializa da importância que a música tem na sua vida. Vive toda a infância e adolescência numa aldeia do concelho de Constância, mas aos 18 anos toma a decisão de rumar a Lisboa para tentar a sua sorte. E as primeiras conquistas não tardam em acontecer. No entanto, é em 1999 que confirma e revigora o sonho de construir uma carreira, quando se vê galardoada com o primeiro prémio da Grande Noite do Fado de Lisboa.
Aos 22 anos, já havia arrebatado plateias em países como França, Alemanha, Luxemburgo, Bélgica e Estados Unidos da América.
No decorrer do seu percurso, empresta a voz a variados projectos, nas mais diversas áreas, como o jazz ou a bossa nova. Porém, ainda que considere todas estas experiências determinantes na sua evolução, é com o Fado e com a música tradicional portuguesa que a cantora melhor exprime toda a verdade do seu EU.
Em 2006 surge o seu primeiro trabalho discográfico “Sentidos”, presenteado com o selo de qualidade Antena 1, que Ana considera como o resultado de um importante amadurecimento consequente do caminho que trilhou.
“Sentidos” tem produção de Diogo Clemente, com quem Ana conta também como arranjador, compositor, letrista e executante na viola. Em estúdio, Ana foi ainda acompanhada por Bernardo Couto na guitarra portuguesa, Fernando Araújo no baixo, Ricardo Mota no violoncelo, Vicky nas percussões e Ruben Alves no piano, acordeão e melódica. Ana conta, também, com composições de Miguel Rebelo, Jorge Fernando e João Pico. A escolha literária incide em poemas de Tiago Torres da Silva, Hélder Moutinho e alguns dos seus companheiros de cabeceira, como António Ramos Rosa ou Florbela Espanca.
Este disco é uma viagem que tem como porto seguro o Fado, viajando pelas principais influências da cantora, com especial destaque para a música tradicional portuguesa. Ana não o faz com a pretensão de modernizar o Fado, mas considera esta abordagem como a única forma de ser fiel à sua verdade, aos seus “sentidos”…

Ana lains – voz
Eurico machado:guitarra portuguesa
Tó neto: viola acústica
Vasco Sousa: baixo acústico
Paulo loureiro: piano, acordeão e clarinete
Beto betuk: percussionista convidado

Dia 29 (Quinta)
23H00
Entrada :8 €

Dias 30 e 31, Sexta e Sábado, 23.30h

Yves Brouqui e Martin Jacobsen Quartet

Yves Brouqui

Martin Jacobsen

Tendo durante muito tempo tocado com o tenor Grant Stewart, o guitarrista Yves Brouqui quis montar o seu quarteto com tenor.
Tendo durante muito tempo tocado com o guitarrista Doug Rayney, o tenor Martin Jacobsen quis montar o seu próprio quarteto com guitarra.

É assim que dois parisienses Globe-trotters como Yves Brouqui e Martin Jacobsen se encontram de forma a partilharem a sua criatividade. Eles partilham um lirismo terreno e caloroso, uma vitalidade categórica na sua aproximação ao Jazz. Longe de concursos de virtuosidades egocêntricas, o saxofone de Martin rasga-se e desenrola-se até que daí saiam frases, criando uma conversa musical com Yves Brouqui. O seu amor pelo instrumento torna-se evidente pela sua capacidade de tornar composições complicadas…em simples.

É com muito prazer que o Ondajazz e o Instituto Franco-Português produzem o quarteto de Jacobsen Brouqui com Nelson Cascais no contrabaixo e Paulo Bandeira na bateria; é certo que este quarteto vai muito surpreender.

Yves Brouqui gravou com Brad Mehldau e Kenny Wasington e Steve Potts.
Tocou em França com Carlos Barreto , Simon Goubert, Alain Jean-Marie, Pierre Blanchard, Christian Vander, Emmanuel Bex, George Brown, Pat la Barbera e Bob Mover.

Yves brouqui: guitarra
Martin Jacobsen:saxofone
Nelson Cascais: contrabaixo
Paulo Bandeira: bateria

Dias 30 e 31 (Sexta e Sábado)
23H30
Entrada :8 €

www.ondajazz.com

Maio 15, 2008

Raquel Tavares ao vivo em Valença – Hoje!

Filed under: concerto,fado — profestas @ 6:58 pm
Tags: , , ,

Depois do belíssimo espectáculo que nos ofereceu, na passada 4ª feira, no Teatro Tivoli, em Lisboa, onde apresentou ao vivo o seu novo trabalho, “Bairro”, a fadista Raquel Tavares prepara-se para mais uma grande noite de fado, desta vez em Valença.

O concerto está marcado para esta 5ª feira, dia 15 de Maio, no Jardim Municipal de Valença, no âmbito da Feira do Livro que se realiza naquele espaço, entre os dias 14 e 18 de Maio. Raquel Tavares sobe ao palco por volta das 22h acompanhada de Guilherme Banza na guitarra portuguesa, Miguel Gonçalves na viola de fado e Yami no baixo acústico. A entrada é livre.

Ainda esta semana, a fadista desloca-se até França, mais propriamente a Nîmes, para actuar sábado, dia 17 de Maio, no L’Imprimerie.

Na bagagem, a fadista leva o seu mais recente álbum, “Bairro”, editado no dia 5 de Maio, bem como alguns temas do disco de estreia homónimo que a deram a conhecer ao grande público como, por exemplo, o tema “Fado Lisboeta”. 

Site: www.myspace.com/raqueltavares

Informação Movieplay

Página seguinte »

Create a free website or blog at WordPress.com.